5W2H – SAIBA O QUE É E COMO USAR

Hoje vamos falar sobre uma matriz de trabalho muito útil que chama 5W2H. Ela pode ser usada de diversas formas. Aqui vamos usar para elaborar o rascunho do seu projeto. Funciona para lembrar os itens mais importantes que serão construidos no passo a passo.

Após decidir que vai mesmo realizar um projeto, deve começar o rascunho. Você vai responder a perguntas básicas do que quer em seu projeto. Não se apegue a um foco único ou a certezas. Este é só o primeiro passo, durante todo o processo mais e mais esclarecimentos, fatos, dados e outras informações irão te ajudar a “lapidar” o processo até o projeto final.

Você então utilizará o método 5W2H. Você já tinha ouvido falar nele? Continuar lendo

BRAINSTORM, UM TORÓ DE IDEIAS

brainstormO Brainstorm, tempestade cerebral ou, como dizemos em Minas, “Toró de Parpites” é um exercício da criatividade, sem barreiras, sem julgamentos e com muita liberdade. O objetivo é ter uma grande ideia ou uma ideia usável, coerente.Tom Kelley em seu livro “The Art Of Innovation: Lições de Criatividade” (Doubleday 2001) diz que o que diferencia as pessoas é a sua capacidade de inovar.

Mas, ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é só ter ideias aos montes e pronto. Existem processos, dicas e técnicas que auxiliam no melhor aproveitamento dessa atividade. O Brainstorm é uma ótima ferramenta. Continuar lendo

EXERCÍCIO DO PENSAMENTO

@Vou te dar hoje um roteiro para pensar e assim exercitar o pensamento.

Primeiro: Na década de 1940 e 1950 foi desenvolvida a teoria das Redes Neurais. As redes neurais não acumulam informações, elas aprendem através do processamento das informações que são açuladas por estímulos externos. É como uma dona de casa que em sua criatividade olha o que tem de ingredientes em casa e improvisa alguma comida com base nas experiências que tem. Mas as redes neurais são muito simples comparadas ao modelo que os inspirou: os nossos neurônios pois ao contrário dos artificiais que só recebem uma informação em cada um nós recebemos várias a todo momento. Continuar lendo

REAPRENDENDO A CRIATIVIDADE COM AS CRIANÇAS

84363c26ccab76f0aa2dde02fcb39cec.47d3c9d823b9ae01024bf6c0677a8354

Dizem que todos nós já temos criatividade, somos criativos. Mas que temos que exercitar isso. Então, o que podemos aprender com as crianças com relação a criatividade? Tudo. Ou, no mínimo muito.

No mês de outubro, dia 12, comemoraremos o dia das crianças. Muita gente começa a mudar suas fotos no Facebook para colocar aquelas de quando eram crianças. Pais pensam em presentes. Professores e escolas preparam suas comemorações. Enfim diversas homenagens a estes pequeninos que nos fazem mais felizes. Continuar lendo

ADVOGADO DO DIABO

images (4)Muitas vezes sou chamada de irritante, de pessoa difícil e até partidária por, na maioria das vezes, questionar a verdade do que está sendo afirmado, discordar ou cogitar tragédias. A verdade é que pra tudo tento ser o Advogado do Diabo (do latim diabolus, por sua vez do grego diábolos, “caluniador”, ou “acusador”) pois é questionando, supondo, pensando diferente que obteremos respostas mais concretas e não teremos certezas tão frágeis. É assim que, ainda que errados, poderemos ter certeza de que estamos pensando, estamos sendo ativos e não somente reativos. É assim que estaremos preparados para o pior, e se ele não vier, melhor.

11bacde6e443ed1f851bab4a6fe0e96fMas o que é o “advogado do diabo”? Entre 1900 a 1983 nos processos de canonização da Igreja Católica existia a figura de um “promotor da fé” (Promotor Fidel). Ele era escolhido pela igreja e sua função era olhar com dúvidas e questionar as possíveis falhas ou inconsistencias das provas sobre milagres e outros acontecimentos. Essa função era popularmente conhecido como “Advogado do Diabo” (advocatus diaboli). Os Advogados do Diabo, reduziam o número de canonizações e garantiam que a santidade não deveria ser tão fácil assim.

Atualmente usamos a expressão para designar as pessoas que estão do lado contrário de uma questão aprovada por todos, que olha o outro lado, questiona o que ninguém mais questionou. Não aceita tão fácil assim as “verdades” ou as soluções.

Esse papel é muito importante quando estamos fazendo um planejamento estratégico, quando estamos fazendo a pesquisa, o “brainstorm” ou “toró de palpites”   como dizemos lá em Minas. É importante na construção e elaboração de projetos e eventos. Precisamos quetionar e pensar: “e se chover?”, “mas será que é o melhor?”, “se todos estão fazendo talvez não seja melhor não fazer?”, “se todos estão fazendo talvez não seja melhor fazer?”, “E se azedar a comida?”, “Será que este lugar é mesmo o melhor?”, “So porque tem 5 estrelas será que é realmente bom pra o que precisamos?”, “Será que só porque está na moda vamos fazer?”, “E se a empresa furar com a gente?”, “E se alguém se machucar?”, “E se formos multados?” etc etc.

Portanto, se você tem alguém assim na sua equipe, valorize. Se não tem, se tudo é muito tranquilo e todos concordam, faça alguma coisa pra mudar isso. Inclua alguém ou motive para isso. Eventos e projetos são eventualidades, são frágeis, não acertaremos nunca 100% mas quanto mais nos preparamos mais perto dos 100 chegamos. Se nos preparamos para tudo, ou quase tudo, estamos salvos ainda que nada de errado ou ruim realmente aconteça.

É como eu digo, para se organizar com maestria eventos e projetos o mais importante é pensar, pensar e pensar na hora de planejar, planejar e planejar. 🙂

***Cadastre seu email  no formulário de contato para receber nossas novidades. Promoções especiais, descontos, textos exclusivos e muito mais só para quem se cadastrou. 

Você gostou???? Compartilhe. Conhecimento tem que circular.

GERAÇÃO FLUX EM PROJETOS E EVENTOS

GERAÇÃO FLUXEu quero é te criar a dúvida para que descubra, nas infinitas possibilidades, a sua verdade. Isso é pensar.

GERAÇÃO FLUX FAST COMPANYO profissional da área de projetos e de eventos, em sua maioria, já é muito FLUX. Geração Flux é um tema ainda muito na moda em 2016, mas este termo foi criado pela revista americana “Fast Company” em 2012. Flux é a nova geração de profissionais que vem surgindo e estão abertos e prontos para as instabilidades e eventualidades, possuem variados conhecimentos e formação, são criativos, tolerantes, multitarefas, cooperativos. E não são só os jovens, eles tem idades muito variadas.

Tenho trabalhado para que este blog (meio site), site  (meio blog), seja um ponto de informação e de conhecimento para quem o segue e lê. Quero é que você se torne um melhor pensador a partir de SUAS conclusões.

Para chegar a alguma conclusão temos que passar por várias fases e analisar diversos conteúdos, ter um olhar e pensamento crítico. Quando for capaz de fazer isso será capaz de ser ainda mais FLUX. É isso que vamos trabalhar sempre por aqui.

O foco do trabalho é INTELIGÊNCIA EM PROJETOS E EVENTOS, em áreas variadas. Meu principal diferencial é trabalhar com vocês o exercício do pensamento, da dúvida, do cogitar, do papel do advogado do diabo, das possibilidades, da pesquisa, das variáveis. Isso fará você ser cada vez mais assertivo nos seus planejamentos.

Não me interessa dar somente um conteúdo pronto baseado nisso ou naquilo. Quero que você aprenda a pensar e questionar o que recebe de informação. Questionar as “grandes verdades”, os gurus que nascem todos os dias mas que morrem também. Que você participe ajudando a construir, a criar conceitos, a novas idéias, a olhar para outros lados.

O passo a passo, a técnica, de um projeto ou de um evento tem por toda internet nas mais variadas formas. Isso não é novidade e ninguém tem exclusividade sobre estas informações. Será sempre só mais uma ferramenta. Mas o exercício de pensar te fara planejar e prever melhor as possibilidades e riscos dos seus projetos e eventos.

E como exercitamos isso?

Podemos começar com estas  05 dicas para você ser mais “pensante” e mais “fluxer”.

1) Desconfie de tudo e de todos, incluindo você. Questione e quebre suas próprias crenças e certezas. Transponha os paradigmas. O que funcionava ontem não é o que funciona hoje. Coloque as variadas respostas em uma lista sem pensar “isso é certo” e “isso é errado”. Esta ainda é a fase de pesquisa, todo material é válido. É além de “pensar fora da caixa”, é pesquisar primeiro tudo o que está fora da caixa para depois pensar.

2 ) Ouça e leia tudo o que puder em todo o tempo que lhe for possível. Esta é a era do conhecimento, as informações são como uma cachoeira que jorra sem parar. Informação é a riqueza, o ouro, o novo poder. Mas cuidado pra não enlouquecer. Minha dica é: organize seu tempo para isso, organize a forma de receber, ler e ver esse conteúdo. Procure conteúdos da sua área mas não esqueça de mesclar com os que são diferentes, isso faz tudo mais interessante.  As mudanças acontecem a cada momento. Se você parar um pouco que seja,  já estará atrasado.

3) Antes de decidir, reúna e compare todas informações, suas e dos outros.. O máximo de conteúdo te ajudará a traçar um panorama mais realista e abrangente da situação para decidir melhor. Mesmo que pareça absurdo a direção que pensou, confie no seu instinto e na sua competência para assimilar e concluir com base nas informações. Não tenha medo de inovar.

4) Exercite a resiliência. Se entregue. Viva cada segundo e tenha certezas só para os próximos 30 minutos. Esteja pronto constantemente para as mudanças. Esteja pronto para enfrentar desafios. Esteja pronto pra lidar com perdas. Mas principalmente esteja pronto para não se abalar e continuar produzindo mesmo quando tudo parece estar desmoronando. Mantenha o foco no futuro. Veja sempre a luz no fim do túnel e encontre sempre a flor de lótus na lama.

5) Faça tudo isso em menos de 1 hora. Seus dilemas, questões ou grandes decisões não podem demorar muito para ser tomadas. O tempo não é e não será seu amigo neste novo momento. Isso vale pra projetos, para eventos, para decisões e para tudo na sua vida.

GERAÇÃO FLUX 3

Mas como tornar isso menos cansativo, desgastante? Procurando um trabalho que lhe dê felicidade. Quem faz o que gosta trabalha mais feliz.

E como fazer esse pensamento ser cada dia mais fácil? Como pesquisar, observar, juntar estas informações e tomar decisões tão rapidamente? Exercitando e trazendo conteúdo para seu cérebro.

 

Não se esqueça da regra básica sobre as grandes conquistas: Trabalhar dá trabalho.

Gostou? Curta, comente, envie seus comentários e dicas. Mas principalmente compartilhe, CONHECIMENTO TEM QUE CIRCULAR.